Voltar Atrás

Aproveitamento Hidroelétrico Ribeiradio-Ermida

2014, Sever do Vouga
cliente
localização
Portugal
Tipologia
Barragens

Descrição

O aproveitamento hidroelétrico Ribeiradio-Ermida é composto por duas barragens com uma capacidade de produção média anual de energia elétrica de 139 Gwh, capaz de satisfazer o consumo de 28 000 a 30 000 pessoas. A construção, iniciada em 2010, envolveu mais de 600 trabalhadores e cerca de uma centena de empresas. Com esta obra, os concelhos do distrito de Aveiro e Viseu ganharam uma albufeira com 23 quilómetros de extensão.

O principal objetivo desta obra consistiu em regularizar o rio Vouga pela criação de uma albufeira, contribuindo simultaneamente para a produção de energia de origem renovável. A nova albufeira permite ainda o apoio ao abastecimento público de água, à redução dos problemas das cheias que afetam as zonas próximas do rio e ao combate de incêndios. Além disso, o extenso plano de água acabará por valorizar a região sob o ponto de vista turístico, contribuindo para o seu desenvolvimento económico e social.

solução técnica

Paramento executado com cofragem trepante
Estruturas especiais, tais como bocal de descarga do fundo, tomadas de água e tubos de aspiração foram executados com cofragem tradicional concebidas pelo Departamento de Engenharia da ConstruGomes

Características Técnicas

Altura máx. | 38,00 m
Coroamento | 175,10 m
Blocos | 11