Viaductos V2 y V4

2017, Toluca
cliente
localização
México
Solução Tecnológica
Tipologia
Ponte

Descrição

Através desta nova ligação ferroviária, o governo federal mexicano espera uma utilização diária de 270.000 passageiros, equivalente a mais ou menos três vezes a lotação do Estádio Azteca, ou 10 vezes a lotação do Estádio Nemesio Díez em Toluca. As autoridades locais estimam uma poupança de 34.500 toneladas de CO2 com a linha em serviço entre as duas cidades. Este valor representa o oxigénio produzido por 276 hectares de floresta.

A nova ligação de comboio entre a Cidade do México e a cidade de Toluca representará uma poupança de tempo de uma hora para quem viaja diariamente entre estes dois destinos. A ligação terrestre entre a Cidade do México e Toluca causa a cada ano cerca de 400 acidentes viários, dos quais 30 são mortais. Com esta nova ligação, o Governo Mexicano pretende mitigar a fatalidade deste troço e também melhorar a qualidade do ar, através da introdução de comboios elétricos.

solução técnica

Viaducto V2 - Tabuleiro construído com recurso a cimbre autolançável superior M70 - S
Viaducto V4 - Tabuleiro construído com recurso a cimbre autolançável inferior M64 – 1

Características Técnicas

Viaducto V2
Extensão total | 1.650,00 m
Vão máx. entre pilares | 55,00 m
Altura máx. dos pilares | 35,00 m
Largura | 11,50 m

Viaducto V4
Extensão total | 1.448,00 m
Vão máx. entre pilares | 64,00 m
Altura máx. dos pilares | 80,00 m
Largura | 11,50 m